quinta-feira, 11 de junho de 2020

Ex-secretário de Agricultura de Alto Longá, André Gayoso, sai da toca e rebate acusações de Dejalmo Cardoso



O ex-secretário de Agricultura de Alto Longá, André Gayoso, postou em suas redes sociais nesta quinta-feira (11), um vídeo no qual rebateu as críticas e acusações que foram feitas pelo ex-vereador e presidente da Associação Comunitária de Produção e Serviços da Agricultura Familiar - ASAF, Dejalmo Cardoso, em entrevista ao blogdoademarsousa.com.br, contra sua gestão à frente da pasta no Governo de Henrique César. “Não poderia ficar calado com acusações infundadas pelo ex-vereador de Alto Longá, Dejalmo Cardoso, que até poucos dias fazia parte da administração pública descarregando elogios e agora muda o foco com fins eleitoreiro”, escreveu André Gayoso em relação ao ex-aliado político e, ao mesmo tempo, aproveitou para dizer:  “Peço desculpas a toda família longaense, em debater, no momento que famílias lutam contra a Covid-19, outros vão além das recomendações de saúde”.

Logo no início do vídeo, André Gayoso disse que assumiu a Secretaria de Agricultura em 2017 e conseguiu de imediato uma sede própria para despachos. Segundo ele, implantou o Programa Crédito Fomento, tendo investido mais de R$ 1 milhão na regularização de títulos de posse junto aos assentados das localidades rurais: Retiro Velho, Barra do Sambito e Campo Verde. Ele informou que a Secretaria de Agricultura recebeu do prefeito Henrique César (01) uma patrulha agrícola e conseguiu mais (01) uma outra patrulha agrícola, através de emenda liberada pelo então deputado federal Heráclito Fortes. Destacou também que conseguiu a liberação de recursos junto ao Banco do Nordeste algo em torno de R$ 6 milhões, que possibilitaram empréstimos nesses últimos três ano e meio para os produtores da agricultura familiar e empreendedores de pequenos negócios. Além disso, realizou cursos pela Federação Estadual da Agricultura e SENAR, dando certificados aos trabalhadores rurais. E mais conforme falou realizou a Expolongá, uma feira de exposição de caprinos e ovinos no município. Informou também que conseguiu uma ambulância de R$ de 80 mil para o Hospital Municipal José Vieira Gomes.

O ex-secretário André Gayoso não poupou de duras críticas o seu desafeto Dejalmo Cardoso que é ex-vereador e presidente da Associação Comunitária de Produção e Serviços da Agricultura Familiar – ASAF. Para André Gayoso, Dejalmo Cardoso só pensa em defender seus interesses próprios, pois utiliza os bens da entidade que recebeu como doações um trator agrícola, um caminhão e um veículo Ford Ranger que custou mais de R$ 143 mil, fugindo a finalidade de atender os assentados da agricultura familiar. Gayoso acusa Cardoso de cobrar o aluguel do trator para os agricultores em horas trabalhadas e que esses veículos da Associação estão sem sua garagem residencial, ao invés de ficarem à disposição dos assentamentos.

André Gayoso rompeu o silêncio e disse ainda que o ex-vereador Dejalmo Cardoso teve o seu nome rejeitado pelos agricultores de Alto Longá para assumir a Secretaria de Agricultura, já que era o primeiro suplente da base aliada do prefeito Henrique César.


Nenhum comentário:

Postar um comentário