quinta-feira, 24 de junho de 2021

Deputado Luis Miranda pede prisão de Onyx e Élcio Franco à CPI da Covid

O relator da comissão, senador Renan Calheiros (MDB-AL), citou a possibilidade de pedir a prisão do ministro

Foto: Najara Araújo/Câmara dos Deputados 

O deputado Luis Miranda (DEM-DF) acaba de protocolar um pedido de prisão por coação contra o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Onyx Lorenzoni, e o assessor da Casa Civil Élcio Franco à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19 no Senado.

No documento, Miranda alega ter sido vítima de ameaças pelos dois em coletiva realizada nesta quarta, 23. Onyx afirmou que o presidente Jair Bolsonaro determinou uma investigação da Polícia Federal sobre o parlamentar e seu irmão, o servidor Luis Ricardo Fernandes Miranda, do Ministério da Saúde. O motivo são as denúncias sobre um esquema de corrupção na compra de vacina contra covid-19.

"Contaram com o apoio de todo aparato estatal da Presidência da República, a saber, convocaram a imprensa para uma coletiva (... ) para prejudicar a mim e meu irmão", diz o documento endereçado ao presidente da CPI, senador Omar Aziz (PSD), por Miranda.

"Ele vai se entender com Deus e com a gente também", disse o ministro em pronunciamento no fim da tarde no Palácio do Planalto.

A CPI decidiu convocar Onyx e acusa o chefe da pasta de coação e obstrução da investigação após denúncias feitas por Miranda. O relator da comissão, senador Renan Calheiros (MDB-AL), citou a possibilidade de pedir a prisão do ministro.

Aliado do governo, o deputado Luis Miranda afirmou ter levado a Jair Bolsonaro, em 20 de março, denúncia sobre suposto esquema de corrupção na compra da vacina indiana Covaxin. Em entrevista coletiva, Onyx informou que Bolsonaro mandou a Polícia Federal investigar o deputado e o irmão do parlamentar, Luís Ricardo, que também participou da reunião na ocasião. O governo nega irregularidades na negociação.

"Nenhuma Comissão Parlamentar de Inquérito, em nenhum Parlamento, pode ficar exposta à coação à testemunha. É obstrução ao nosso dever de investigar", disse Renan Calheiros antes do início da sessão da CPI, nesta quinta-feira, 24, classificando a atuação de Onyx como "abominável". "Nós vamos convocá-lo imediatamente e, se ele reincidir, nós vamos requisitar a prisão dele." (Estadão Conteúdo)

Prefeitura de Teresina antecipa o pagamento dos salários dos servidores

De acordo com a tabela de pagamento da prefeitura, os depósitos começam pelos servidores da Educação (Semec)

Foto: Rômulo Piauilino/Semcom

A prefeitura de Teresina antecipou o pagamento da folha do servidor público municipal. O depósito, que estava previsto para ser iniciado na próxima terça-feira (29), irá começar a partir de amanhã (25).

De acordo com o secretário municipal de Finanças, Robert Rios, a antecipação ocorre em virtude de determinação do prefeito Dr. Pessoa que prioriza o funcionalismo público.

“O servidor sempre será nossa prioridade, por isso estamos antecipando em uma semana o pagamento. Vivemos dificuldades financeiras, em virtude da pandemia e da queda de receitas, mas o servidor do município sempre poderá ficar tranquilo, pois nunca serão prejudicados”, declarou Robert Rios.

De acordo com a tabela de pagamento da prefeitura, os depósitos começam pelos servidores da Educação (Semec). (Semcom/PMT)

quarta-feira, 23 de junho de 2021

Governo deve anunciar prorrogação do auxílio nesta semana, diz Paulo Guedes

Ministro da Economia Guedes se reuniu com empresário na Fiesp, em São Paulo

Foto: Edu Andrade/Ascom/ME 

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou hoje (23), durante encontro com empresários da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), que o presidente da República Jair Bolsonaro deve anunciar, em breve, a prorrogação do auxílio emergencial por mais três meses. "O presidente deve anunciar, talvez ainda nesta semana, mais três meses de auxílio [emergencial]", disse Guedes.

O ministro também ressaltou o trabalho do governo, em parceria com os empresários, para enfrentar a crise ocasionada pela pandemia de covid-19. Ele disse que neste momento em que a população está sendo vacinada, a recuperação econômica em V já aconteceu, com a criação de 1 milhão de empregos nos últimos quatro meses do ano passado, totalizando 140 mil empregos formais em 2020.

"É a primeira vez que houve uma recessão com a criação de empregos formais. Neste ano já criamos 960 mil empregos. O Brasil está transformando, com sucesso, o que era uma recuperação cíclica, baseada em consumo, em retomada do crescimento sustentável, com base em investimentos que estão aumentando", disse o ministro.

BIP e BIQ

Ele lembrou que o governo federal renovou programas bem sucedidos e que planeja anunciar novos programas como o Bônus de Inclusão Produtiva, que prevê que jovens, entre 18 e 21 anos, que saem da universidade e não conseguem um emprego formal recebam do governo entre R$ 250 e R$ 300 para trabalhar em escolas técnicas ou empresas e se qualificarem. A empresa paga o mesmo valor, o chamado Bônus de Incentivo à Qualificação. A estimativa é a de que mais de 2 milhões de jovens sejam beneficiados. Guedes disse ainda que neste ano o governo pagará o valor total do programa.

"Isso seria um treinamento no trabalho. Não é um emprego. Vamos conversar com as redes privadas, empresas, com o Senai, Sesi, Senac para ver se eles estão dispostos. Nós damos esse valor de um lado e a empresa dá esse mesmo valor de outro lado. Ele vai receber metade de um salário mínimo para ser treinado meio expediente. Para a empresa é muito bom e para o jovem também porque ele vai ficar fora da rua, vai ser socializado, incluído produtivamente", explicou Guedes.

Congresso

O ministro destacou ainda o trabalho do Congresso Nacional, como a aprovação do marco do saneamento, da nova lei do gás, e a autonomia do Banco Central. Guedes afirmou que a Reforma Tributária está bem encaminhada e em um primeiro estágio entra na Câmara e em seguida no Senado, para tratar do chamado passaporte tributário, que é a regularização de situações anormais, permitindo o desconto para empresas que estiverem devendo os tributos.

"Nós realmente vamos aplicar descontos generosos para pequenas e médias empresas. Para os grupos maiores, vamos conversar sobre isso. Mas a ideia é tirar o Estado do cangote do povo. Nós vamos reduzir os impostos, vamos apostar na reativação da economia e em que se a arrecadação aumentar, e nós estimamos que vai, vamos imediatamente rebaixando os impostos", garantiu Guedes. (Agência Brasil)

 

Secretaria de Saúde promove capacitação para profissionais da urgência e emergência, em Coelho Neto

Foto: Divulgação (Prefeitura de Coelho Neto) 

A Secretaria de Saúde promoveu recentemente, uma capacitação para profissionais da urgência e emergência do município.

A capacitação envolveu a direção do hospital e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência - SAMU, com foco no Trauma, onde foi abordado mensuração e uso de colar cervical, uso do torniquete, imobilização em prancha longa, rolamento de 90 e 180 graus, imobilização com talas em casos de fratura e Reanimação cardiorrespiratória - RCP onde foi abordado a prevenção, identificação, abordagem a vítima, manejo da vítima (compressões torácicas e ventilação).

Foto: Divulgação (Prefeitura de Coelho Neto) 

A capacitação foi realizada no Teatro Municipal, envolvendo os técnicos do hospital Municipal (pronto socorro e estabilização), condutores do Hospital Municipal, UPA e Secretaria de Saúde.

Teresina: Lineu Araújo tem atendimento especializado para crianças diabéticas

Para ter direito ao tratamento a criança deve ser encaminhada através de uma Unidade Básica de Saúde-UBS

Foto: Divulgação (FMS) 

No Centro Integrado Lineu Araújo as crianças e adolescentes diabéticos recebem atendimento por equipe composta de vários profissionais: endocrinologista pediátrico, oftalmologista, psicólogo, nutricionista e assistente social.

Embora exista o Centro de Atendimento ao Diabético (CAD) no Lineu Araújo, as crianças têm prioridade todas as quartas-feiras com o atendimento multiprofissional. Para ter direito ao tratamento a criança deve ser encaminhada através de uma Unidade Básica de Saúde-UBS.

Foto: Divulgação(FMS) 

A médica Anenisia Coelho de Andrade, endocrinologista pediatra e presidente da Sociedade de Pediatria do Piauí, atendeu no Lineu Araújo 127 crianças este ano até maio com diagnóstico de diabetes. A médica dá orientação aos pais ou responsáveis por crianças e adolescentes para os sintomas da doença.

“A diabetes da infância em geral é do tipo 1 e se desenvolve porque a criança não consegue produzir insulina suficiente, mesmo ela comendo muito o açúcar no sangue fica muito alto e ela pode perder peso e algumas voltam a fazer xixi na cama, a beber muita água é um alerta para os pais procurarem um médico. Nas UBS é feito o encaminhamento e no Lineu essa criança recebe o atendimento adequado”, diz.

“É uma doença autoimune e os pais precisam saber que o tratamento é com injeção de insulina de três a quatro vezes por dia. É relativamente simples, mas muda a rotina da família e gera ansiedade nas crianças. Além da insulina é muito importante o controle alimentar e a família é orientada para a alimentação ser correta e com porções adequadas para saber a quantidade de insulina a ser administrada. No tratamento também é incluída a prática de atividade física”, orienta. (Semcom/PMT)


terça-feira, 22 de junho de 2021

BRASÍLIA: Deputados aprovam regime de urgência para cinco propostas

Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

A Câmara dos Deputados aprovou regime de urgência para cinco propostas na sessão desta terça-feira (22):

- Projeto de Lei Complementar (PLP) 147/19, do Senado Federal, que muda a composição do Comitê Gestor do Simples Nacional e regula tributação de Microempreendedor Individual (MEI) transportador autônomo de cargas;

- Projeto de Lei 6234/19, do deputado Glaustin da Fokus (PSC-GO), que prevê registro de bens reversíveis transferidos entre concessionárias de energia;

- Projeto de Lei Complementar (PLP) 9/21, do deputado Lucio Mosquini (MDB-RO), que muda a lei de inelegibilidade para permitir aos gestores disputarem eleições se condenados apenas com multa na prestação de contas;

- PL 2213/21, do deputado Alex Manente (Cidadania-SP), que condiciona a progressão ao regime aberto e a concessão de saída temporária à aplicação de exame criminológico;

- PL 12/21, do Senado Federal, que permite a quebra temporária de patente para fabricar remédios e vacinas necessários ao enfrentamento de emergências de saúde pública.​ (Agência Câmara de Notícias) 


Lázaro Barbosa tem mais de 1.000 denúncias sobre paradeiro

Desde que assassinou uma família em Ceilândia (DF), no dia 9 deste mês, ele vem escapando ao cerco policial

Foto: Divulgação

A Justiça de Goiás inseriu no BNMP (Banco Nacional de Mandados de Prisão) uma ordem de prisão contra Lázaro Barbosa de Sousa, 32, o "serial killer do DF".

É relativa a um caso de 2020, em que ele foi apontado como o autor de uma tentativa de latrocínio (matar para roubar) e roubo mediante restrição da liberdade das vítimas em Cocalzinho de Goiás (GO), região onde a polícia realiza as buscas.

Com esse novo registro, incluído na sexta-feira (18), chegam a quatro os mandados de prisão contra ele no sistema administrado pelo CNJ (Conselho Nacional de Justiça). Envolvem crimes cometidos em Goiás, no Distrito Federal e na Bahia.

A perseguição a Barbosa chegou nesta terça (22) ao 14º dia, com as forças de segurança lidando com dificuldades para localizá-lo.

Barbosa se refugiou nas cercanias do povoado de Girassol (GO) onde existem muitas chácaras e mata, área cortada por córregos. O procurado é apontado pelas autoridades como mateiro, bastante conhecedor do terreno por onde se movimenta.

A SSP-GO (Secretaria de Segurança Pública de Goiás) criou um disque-denúncia para receber informações sobre o caso. Em um intervalo de apenas 24 horas, houve cerca de 1.000 dicas, a maioria delas trote, informou a secretaria.

Desde que assassinou uma família em Ceilândia (DF), no dia 9 deste mês, ele vem escapando ao cerco policial.

Durante a fuga, segundo a polícia, cometeu novos crimes –baleou moradores de uma chácara, fez outros de reféns, roubou carros e armas. Trocou tiros com um funcionário de uma fazenda e também com policiais.

Uma megaoperação foi montada com o objetivo de capturá-lo, incluindo polícias estaduais de Goiás e do DF, e as polícias Federal e Rodoviária Federal. Foram mobilizados mais de duzentos agentes de segurança.

Além do quádruplo latrocínio (matar para roubar) em Ceilândia, é atribuída a ele a tentativa do mesmo tipo penal em 2020, ao invadir chácara em Santo Antônio do Descoberto (GO) para roubar e atingir um idoso com um machado.

Foi por conta dessa ocorrência que a Justiça de Goiás incluiu no banco nacional de mandados do CNJ mais uma ordem de prisão contra Barbosa.

As circunstâncias daquele crime mostram a maneira de agir do criminoso, réu em ação penal após ser denunciado pelo Ministério Público. De acordo com a ocorrência, ele invadiu a propriedade para roubar.

"Vale registrar que todas as vítimas são idosas e foram surpreendidas quando jogavam dominó na varanda da residência", narrou o juiz do caso, Marlon Rodrigo Alberto dos Santos, da comarca de Santo Antônio do Descoberto.

"Além das ameaças psicológicas e do terror causado a todo momento, o denunciado restringiu a liberdade das vítimas trancando-as no quarto. Posteriormente, valendo-se de um machado, danificou as janelas dos quartos, a porta da sala, da cozinha e dos fundos."

Na sequência, segundo as apurações, Barbosa atingiu com um golpe de machado a cabeça de um idoso, causando-lhe uma fratura de base de crânio. Pegou um facão e passou a agredir outra vítima nas costas e nos braços.

Deixou o local com quatro smartphones, R$ 500 em espécie e uma arma de fogo revólver calibre .38.

O fugitivo possui condenação por duplo homicídio na Bahia. O crime ocorreu em Barra do Mendes, onde nasceu. A cidade fica distante cerca de 500 km de Salvador.

Após ficar foragido da polícia baiana por mais de uma semana, ele disse em depoimento que resolveu se entregar para "pagar pelo que tinha feito". Escapou do presídio depois.

É considerado foragido da Justiça também por crimes de estupro, roubo à mão armada e porte ilegal de arma de fogo, acusação que o levou à cadeia em 2013 na capital do país.

Após três anos, progrediu para o regime semiaberto e fugiu da cadeia. De acordo com informação da Secretaria de Administração Penitenciária do DF, ele não retornou ao sistema após uma saída temporária. Há mandados de prisão no BNMP em razão desses casos.

Em 2018, Barbosa foi preso pela polícia de Goiás, mas conseguiu escapar novamente. Desde então, vinha sendo procurado pela polícia. (Folhapress)

 

Caxias: O caos instalado na limpeza pública pode interromper os serviços

Atenção, Ministério Público e vereadores! São 7 meses de atraso e, além do mais, sem previsão para regularização dos pagamentos no setor de limpeza pública

Imagem ilustrativa: Divulgação

A situação é grave. Diante disso, há forte ameaça que os serviços sejam paralisados a qualquer momento deixando a população sem atendimento nessa área.

Diferente das propagandas que chegam noutras cidades. Em Caxias, a realidade é bem diferente. As informações repassadas ao blogdoademarsousa.com.br sobre a administração do prefeito Fábio Gentil, o "Cabeludo", não anda muito bem e nos próximos dias vamos trazer muitos outros detalhes contundentes. Parece uma gestão sem rumo e sem organização em nada.

Nesse sentido, a primeira situação é que continuam as denúncias no setor de limpeza pública de Caxias, sem solução. Com isso, um verdadeiro caos se instalou afetando diretamente os donos de máquinas e caminhões que prestam serviços para a prefeitura que estão sem receber seus pagamentos.

"Afinal de contas, são 7 meses de atraso e sem previsão de receber esses pagamentos. Assim, peço até ao Ministério Público e vereadores da cidade que nos ajudem nessa situação. Estamos devendo muito e, pelo jeito, vai chegar a um ano de atraso sem previsão de pagamentos. Vamos ter que suspender os serviços porque ninguém aguenta mais o descaso!", relatou em tom de desabafo uma das fontes ao blog.

Entre tantas outras preocupações desses donos de máquinas e caminhões, é que não se tem informações até o momento de quando será realizada a licitação para o setor da limpeza pública. "Entretanto, o que nos preocupa é que existem comentários dando conta de que não existe licitação para nos pagar. Como pode uma coisa dessa?", indagou a mesma fonte muito preocupada.

Vamos continuar apurando mais denúncias consideradas graves. E os detalhes serão publicados brevemente após as checagens devidamente confirmadas dentro do bom jornalismo investigativo.