sexta-feira, 13 de novembro de 2020

Na reta final da campanha, Dedé do Povo diz que está confiante para conseguir uma vaga na Câmara de Timon


Dedé do Povo e o irmão Valdomiro Silva

Faltando apenas dois dias para as eleições municipais de 2020 (domingo, 15 de novembro), o candidato a vereador Dedé do Povo (Republicanos), disse hoje (13), ao blogdoademarsousa.com.br, que está muito otimista diante do trabalho de militância realizado no corpo a corpo com pé chão por voluntários apoiadores nestes 43 dias de campanha eleitoral intensa, conseguindo assim adesões consideradas importantes de novas lideranças políticas, empresariais, comunitárias e trabalhadores em diversos segmentos tanto nas zonas urbana e rural de Timon.

Nesse sentido, Dedé do Povo avaliou positivamente o crescimento de sua candidatura a vereador na base de apoio ao candidato a prefeito Comandante Schnneyder (Republicanos) pela oposição forte e verdadeira ao grupo da situação governista municipal. Ele lembrou que a cada eleição no mesmo cargo de vereador vem ampliando sua votação. Citou, por exemplo, em 2012, ainda inexperiente obteve 200 votos (0,24%) e em 2016, ampliou significativamente para 601 votos (0,67%). “Quer dizer, agora em 2020, estou mais preparado neste embate na certeza de que fizemos um trabalho muito consistente e, desta forma, quero ocupar uma das 21 vagas na Câmara Municipal de Timon a partir de janeiro de 2021. Claro, antes sendo eleito no dia 15 de novembro. Essa é a nossa maior expectativa baseada no volume de campanha que cresceu demais em relação às outras eleições anteriores”, afirmou Dedé do Povo.

Outro diferencial nesta atual conjuntura é que Dedé do Povo conseguiu a união de sua família em torno do seu projeto político. Segundo ele, na eleição de 2016, foram três candidatos a vereador dentro da base familiar, sendo Dedé do Povo (601 votos), o seu irmão enfermeiro Valdomiro Silva (evangélico) bem votado com 275 votos e o primo Zezinho que saiu bem votado.   

DEDÉ DO POVO E SUAS CONQUISTAS

Formado em Ciências Contábeis pela Faculdade IESM, com especialização em Gestão, Docência e Supervisão Escolar, Dedé do Povo, está afastado da presidência do Sindicato dos Empregados no Comércio dos Municípios de Timon e Região Leste Maranhense – SECTIPAM, para disputar uma vaga na Câmara Municipal de Timon - CMT. Ele justificou o seu desligamento do SECTIPAM acrescentando que optou se dedicar a campanha visando o mandato de vereador. Por isso, intensificou visitas aos amigos apoiadores e simpatizantes de sua candidatura rumo a Câmara Municipal de Timon, incluindo a categoria de comerciários. 

Dedé do Povo à frente do SECTIPAM conseguiu melhorias com relevantes serviços prestados aos comerciários de Timon, Matões e Parnarama, na Região Leste do Maranhão, como, por exemplo, a regularização do horário de funcionamento nos estabelecimentos comerciais, envolvendo sábado e domingo. Atualmente, a categoria de comerciários não trabalha sem o amparo legal. Neste caso, sábado e domingo, só mediante acordo com os lojistas.

Atualmente, os comerciários de Timon ganham o segundo maior salário do Maranhão, perdendo apenas para os comerciários de São Luís. Timon – Salário: R$ 1.122,00 e São Luís – Salário: R$ 1.194,65. No SECTIPAM, em sua gestão, foi implantado o Ticket Alimentação para as empresas que tem acima de 15 funcionários. Com essas ações, Dedé do Povo ampliou o número de filiados nas três cidades maranhenses: Timon, Matões e Parnarama.


Nenhum comentário:

Postar um comentário