sexta-feira, 16 de julho de 2021

Caxias está ameaçada de virar a “Capital da Sujeira do Sertão” maranhense com a coleta irregular de lixo

 

Foto: Ilustrativa/Divulgação

Caxias, “Princesa do Sertão” maranhense, título considerado orgulho para os moradores da terra do poeta Gonçalves Dias, está sendo ameaçado de perder a originalidade e ganhar a fama de “Capital da Sujeira do Sertão”. A gestão do prefeito Fábio Gentil, o Cabeludo, vem recebendo críticas constantes pelas redes sociais, em razão de problemas relacionados ao setor de limpeza pública. Nesse sentido, há supostas informações de que a cidade virou um verdadeiro lixão a céu aberto e a limpeza (coleta) nas ruas e avenidas está sendo executada de forma bastante precária.  

A crise se arrasta desde o final de 2020, pós-período eleitoral. Segundo reclamações, os donos de máquinas e caminhões que prestam serviços para a Prefeitura de Caxias estão sem receber pagamentos há 8 meses, inviabilizando assim a continuidade desse trabalho junto à população que está quase sem atendimento na coleta de lixo. Com isso, o caos se instalou afetando diretamente toda a zona urbana.

Enquanto isso, não existe oficialmente nenhuma articulação do prefeito Fábio Gentil visando a regularização dos pagamentos atrasados há 8 meses. E o fato curioso nesta questão é que não se percebe boa parte dos vereadores fazendo qualquer tipo de manifestação contra essa grave crise no setor de limpeza pública. Isso será omissão ou covardia?

Por outro lado, a população espera do Ministério Público do Maranhão alguma ação urgente. Nas redes sociais, internautas questionam algum posicionamento do MPMA no tocante a gravidade da situação com o acúmulo de lixo em vias públicas. Afinal de contas, é a instituição que defende os direitos dos cidadãos. 

O blogdoademarsousa.com.br está apurando uma série de denúncias de irregularidades nos mais diversos órgãos da atual gestão municipal. Aguardem os desdobramentos das investigações. 

Denúncias e sugestões de pautas: 86-98815-6479 (WhatsApp) ou pelo e-mail ademarnsousa@gmail.com 


Nenhum comentário:

Postar um comentário