sexta-feira, 15 de julho de 2022

Vereadores de oposição cobram que Ministério Público suspenda cobrança de taxa de esgoto feita pela Águas de Timon


Os vereadores que compõem a base da oposição na Câmara Municipal de Timon estiveram na mamada desta sexta-feira, 15, na sede do Ministério Público do Maranhão, em Timon, para protocolar uma Notícia de Fato em que cobram que a taxa de esgoto e a taxa de ligação de esgoto cobrada pela empresa Águas de Timon de todos os usuários seja imediatamente suspensa, já que o serviço não é efetuado pela empresa. 

O presidente da Câmara de Timon, vereador Uilma Resende, reforçou que a bancada de oposição busca junto ao Ministério Público uma solução para essa cobrança que ele classifica como abusiva. “A Notícia de Fato que protocolamos hoje pede a suspensão imediata das cobranças de ligação e da taxa de esgoto em Timon, uma vez que esse serviço não é prestado à população. E solicito ainda que o Ministério Público analise essas taxas que estão sendo impostas aos timonenses”, pontuou. 

Além do vereador Uilma Resende, estiveram no Ministério Público os vereadores Amanda Pires, Ulysses Waquim, Neto Peças, professora Vanda, Kaká do Frigo Sá e Juarez Morais. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário