PI: Assembleia Legisativa aprova novo Refis, contribuintes terão até 95% de desconto

0

Conforme aprovado, os descontos serão aplicados ao ICMS, IPVA e ITCMD

Deputado João Mádison Foto: Alepi

A Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) aprovou na manhã de terça-feira (31) o Projeto de Lei 65/2023, de autoria do Executivo estadual, que institui o novo Refis, um programa de recuperação de créditos tributários que permite aplicação de descontos de até 95% aos juros e às multas de dívidas. A matéria foi discutida e aprovada nas Comissões de Constituição e Justiça (CCJ) e de Fiscalização e Controle, Finanças e Tributação, e no Plenário da Casa.

O projeto define que os descontos serão aplicados aos impostos de Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), de Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) e ao de Transmissão Causa Mortis e Doação de Quaisquer Bens e Direitos (ITCMD). O débito pode ser pago em parcela única, com redução de até 95% dos juros e das multas punitivas e moratórias; em até 3 parcelas, com redução de até 90%; em até 6 parcelas, com redução de até 80%; ou em até 12 parcelas, com redução de até 70%. Para o ICMS, ainda há a opção de pagamento em até 90 parcelas, com entrada mínima de 20% do valor total do crédito tributário.

Durante a CCJ, os deputados Marden Menezes (PP) e Hélio Isaías (PT) comunicaram que incluíram uma emenda ao projeto de lei do Governo, para que multas de trânsito em rodovias estaduais possam ter desconto. “Uma das queixas que tinha era dos sensores nas rodovias do estado. Tem pessoas que levam multa na ida e multa na volta e é importante esse item acrescentando porque alguns usuários têm dificuldade de regularizar. Às vezes o bem vale R$ 10 mil e a pessoa tá com R$ 5 mil de multa. Esperamos que seja acatada pelo governador porque vai dar oportunidade de as pessoas regularizarem seu bem, seu carro”. Rafael Fonteles (PT), governador do Piauí, disse que o objetivo da lei é “criar condições para o incremento da arrecadação estadual, no que se refere aos impostos e taxa, assim como disponibilizar aos contribuintes, alternativa de regularizarem sua situação tributária perante o Fisco estadual”.

GESTÃO GOVERNAMENTAL – A Alepi também aprovou nesta terça-feira (31) o projeto de lei do Governo do Estado que cria a Carreira de Gestão Governamental e seus cargos. A matéria “tem por objetivo modernizar a gestão pública estadual a partir de um quadro de servidores qualificados com foco na transformação digital”, explica Themístocles Sampaio (MDB), vice-governador do Estado.

Os cargos criados no quadro de pessoal da Secretaria de Estado da Administração são de Analista Governamental - Especialidade Gestão Pública; Analista Governamental - Especialidade Tecnologia da Informação; e Analista Governamental - Especialidade Infraestrutura. No quadro de pessoal da Secretaria de Estado do Planejamento há os cargos de Analista Governamental - Especialidade Planejamento e Orçamento; Analista Governamental - Especialidade Tecnologia da Informação; e Analista Governamental - Especialidade Infraestrutura. Por Iury Parente/Alepi 

Postar um comentário

0 Comentários

Postar um comentário (0)

#buttons=(Ok, Vamos em frente!) #days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Verifique agora
Ok, Vamos em frente!