Plenário da Alepi aprova mudança em secretarias, viagem e criação da Secretaria de IA

0

A Secretaria de Mineração passa a ser Secretaria da Integação


Foto: Reprodução (Ascom/Alepi)

Projeto enviado pelo Governo do Estado à Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) que propõe uma reorganização administrativa foi aprovado na sessão plenária desta terça-feira (30). Também passou no Plenário a autorização de viagem do governador durante o mês de maio.


Na reorganização aprovada, o Governo cria a Secretaria de Inteligência Artificial, Economia Digital, Ciência, Tecnologia e Inovação e faz mudanças em atribuições ligadas à mineração e às energias renováveis. Estas saem da Secretaria de Desenvolvimento Regional, Mineração e Energias Renováveis, que passa a se chamar Secretaria de Integração e Desenvolvimento Regional, e são distribuídas para a Secretaria de Planejamento e para a Investe Piauí.


Outra alteração prevista no projeto, que recebeu parecer favorável do líder do Governo, Fábio Novo (PT), ainda nesta terça na Comissão de Administração Pública e Política Social (CAPPS), é a transformação do Instituto de Águas e Esgoto em Instituto de Saneamento Básico. De acordo com o Executivo, a reorganização cria apenas um cargo.


Já a viagem do governador aos Países Baixos e aos Estados Unidos foi aprovada com relatório positivo de Francisco Limma (PT) na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). A comitiva do Governo do Estado vai participar de eventos sobre energias renováveis em Roterdã e da divulgação de potencialidades do Piauí em Nova York entre os dias  11 e 18 de maio.


CALENDÁRIO - Os deputados aprovaram a criação de duas campanhas de conscientização na sessão plenária. Dr. Marcus Vinícius Kalume (PT) é o autor do projeto que cria a Semana Estadual de Conscientização e Prevenção da Alienação Parental e que foi relatado favoravelmente na CCJ por Ziza Carvalho (MDB) e na CAPPS por Simone Pereira (MDB).


Esta é a autora da matéria que cria o Outubrinho Rosa para conscientizar crianças e adolescentes sobre os cuidados relacionados ao câncer de mama. O projeto recebeu pareceres positivos de Henrique Pires na CCJ e Hélio Rodrigues (PT) na CAPPS.


UTILIDADE PÚBLICA - A Associação dos Portadores de Deficiência de Miguel Alves e a Associação Esportiva Bonões, de Campo Maior, tiveram o seus reconhecimentos de utilidade pública aprovados nesta terça-feira. O primeiro foi uma iniciativa do presidente da Alepi, Franzé Silva (PT), e o segundo de Dr. Felipe Sampaio (MDB)


Outra entidade da sociedade civil beneficiada com projeto aprovado na sessão foi o CRIA (Centro de Reintegração Familiar e Incentivo à Adoção). Ele passa a ter acesso a  subvenções sociais do Governo do Estado. O autor da matéria foi o deputado Hélio Rodrigues (PT).


Por Nícolas Barbosa/Alepi 

Tags:

Postar um comentário

0 Comentários

Postar um comentário (0)

#buttons=(Ok, Vamos em frente!) #days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Verifique agora
Ok, Vamos em frente!