Pós-eleição: Reforma administrativa na gestão Dinair Veloso pode resultar em demissões de seis secretários

0

Guerra silenciosa no grupo Leitoa. Salve-se quem puder, logo.  

Ex-prefeito Luciano Leitoa e a prefeita Dinair Veloso

Uma crise interna no grupo político liderado pela família “Leitoa” que controla o Partido Democrático Trabalhista – PDT, em Timon, há mais de 30 anos, vem ganhando forte dimensão pós-eleição de outubro último, em razão das derrotas do ex-prefeito Luciano Leitoa (deputado estadual), Weverton Rocha (governador) e Roberto Rocha (senador).  Como se sabe, esse resultado desfavorável desencadeou um sentimento de apreensão e insatisfação na base governista municipal envolvendo diretamente os vereadores e demais aliados da linha de frente que apontam erros constantes e, consequentemente, culpados pelo fracasso nas urnas.  

Aliados próximos condenam e acham a maneira do ex-prefeito Luciano fazer política esquisita sem contato direto com o eleitor. Para eles, “isso é um erro gravíssimo. Político sem fazer política”. 

Em incursão pela Câmara Municipal de Timon, o redator deste blogdoademarsousa.com.br, apurou junto a líderes importantes que muitos desses descontentes criaram coragem e culpam o ex-prefeito Luciano Leitoa pela crise e derrocada. Inclusive, há quem defenda radicalmente que a prefeita Dinair Veloso (PDT) se afaste imediatamente dele e faça uma reciclagem política enquanto é cedo. Entretanto, outros defendem que ela tenha autonomia própria e capacidade de gerenciamento administrativo imprimindo um novo ritmo de gestão longe do desgaste de Luciano Leitoa é, claro, buscando o distanciamento, sem interferência. Caso contrário, Veloso pode pagar um preço muito alto ou até mesmo a decadência do grupo político, do qual faz parte desde a sua juventude.  

A discrepância entre o ex-prefeito Luciano Leitoa, a prefeita Dinair Veloso e os vereadores da base aliada na Câmara Municipal de Timon está resultando em descontentamento visível. Alguns órgãos do Governo Municipal não estão agindo a contento, ou seja, deixando a desejar na prestação de serviços para a população. Diante disso, os vereadores insatisfeitos querem uma reforma administrativa urgente. Pelo menos dos mais de 30 auxiliares da prefeita Dinair Veloso, dos quais 06 secretários diretos mais ligados ao ex-prefeito Luciano Leitoa estão na corda bamba, ou melhor, quase convidados a deixarem os cargos. Isso é fruto de pressão dos edis. Eles acham que os "sem votos" estão atrapalhando o bom andamento do governo municipal.  

Enquanto isso, o blog já dispõe dos nomes e as razões pelas quais poderão ser demitidos. E vai divulgar oportunamente. 

“A prefeita Dinair Veloso vê perspectiva de continuar no Poder, mas precisa ficar distante de Luciano Leitoa”, disse um afoito aliado pedindo reserva de sua identificação.  

Depois da derrota para a Assembleia Legislativa do Maranhão - Alema, o ex-prefeito Luciano Leitoa até então temido pelos aliados, devido ao seu estilo duro na tomada de decisões, virou uma espécie de leão sem dentes: qualquer um arrisca emitir opinião contrária sobre o seu comportamento político.  

Postar um comentário

0 Comentários

Postar um comentário (0)

#buttons=(Ok, Vamos em frente!) #days=(20)

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Verifique agora
Ok, Vamos em frente!